Gastronomia, News, Principais

São Paulo ganha bar no Centro Histórico: Boteco do 28 por Bar da Cidade – no Farol Santander SP

Localizado no 28º andar do Farol Santander, o Boteco do 28 por Bar da Cidade resgata a memória da culinária caipira na região da antiga Paulistânia

O Farol Santander São Paulo, centro de cultura, empreendedorismo, lazer e gastronomia, inaugura no próximo dia 29 de outubro (sexta-feira), o Boteco do 28 por Bar da Cidade – localizado no 28º andar do edifício. A cozinha do Bar será comandada por Mayra Aguiar (ex-chefe de produção no Dalva e Dito, e cozinheira no Komah), que assina um menu em referência à culinária da antiga Paulistânia, nascida da união entre ingredientes e costumes indígenas e portugueses, aliados às necessidades de deslocamento pelo grande território que correspondia à Capitania de São Paulo (1720). O funcionamento será de terça-feira a domingo, das 11h30 às 20h e não será necessário comprar ingressos ou realizar reservas, o acesso será por ordem de chegada.

O menu assinado pela Chef é de um típico boteco paulistano, mas com o acréscimo do resgate da diversidade de regiões importantes para a formação da identidade cultural de São Paulo. A extensão da antiga Paulistânia correspondia a um território que começava no leste de Minas Gerais, passando por parte do Centro-Oeste até o Sul e, obviamente, pelo que hoje é o Estado de São Paulo.

Com esse conceito, desenvolvido por Mayra Aguiar, Cassio Pardini (Nation Filmes), Marcone Moraes (Galeria do Rock) e Glauber Souza (Galeria do Rock), nasce o Boteco do 28 por Bar da Cidade. A proposta homenageia a história, cultura e valoriza a experiência gastronômica da cozinha caipira, entre outras opções de clássicos consagrados dos bares de São Paulo e região.

Comida de afeto. Isso é culinária de essência porque me representa. Faz parte da minha história e do imaginário que construiu minha identidade caipira”; diz Mayra.

Entre os destaques dos pratos propostos pela Chef estão petiscos como torresmoovos coloridosiçábolinho de costela e coxinha, somados aos revisitados bolovo e batata rústica com aioli de ervas. Os pratos típicos têm opções como frango caipira com quiabo, picadinho e arroz caldoso de moela; já os pratos do dia rotativos para o almoço contam com carne de panelafeijoada e costelinha de porco assada, alternando entre outras ofertas de acordo com a semana.

A sobremesa será o pudim de leite com caramelo de café – servido em copo americano. Já a carta de bebidas inclui cervejas, cachaças especiais servidas com Içá, além de drinks tradicionais como caipirinha e rabo de galo.

As cachaças com içá no Boteco do 28 marcam um retorno do aperitivo às origens e, fazem parte deste resgate das tradições locais, uma vez que a formiga era consumida tradicionalmente na região do centro de São Paulo. O primeiro a citá-las como iguaria foi Padre Anchieta na ainda Vila de Piratininga. Até finais do Século XIX, as içás ainda eram preparadas e vendidas nos tabuleiros das quitandeiras que transitavam em ruas do entorno do Farol Santander, como Rua Direita, São Bento e Quinze de Novembro.

“É um privilegio receber do Farol Santander a oportunidade de ajudar a trazer de volta ao centro da cidade, em um ambiente tão especial e nobre, os costumes e gostos daqueles que construíram essa cidade”, diz Marcone de Moraes. “Vamos resgatar e valorizar a identidade culinária paulista.”

Acompanhando a carta de cachaças especiais, serão oferecidos o chope pilsen puro malte produzido especialmente para o Bar da Cidade, receita 28, e as cervejas IPA, Vienna Lager e Weiss da Imperatriz, cervejaria da zona oeste de São Paulo.

No cardápio, ainda há espaço para lanches de rosbife e vegetariano, com tomate confit, abobrinha laminada e gema curada, além da oferta de PANCS (Plantas Alimentícias Não Convencionais). Arroz de abóbora, filé de peixe, macarrão com frango assado e bife a cavalo completam o menu.

O Bar da Cidade recebe suas pancs (plantas alimentícias não convencionais) de uma horta social que forma pessoas acolhidas das ruas da cidade de São Paulo em agricultores urbanos e transforma espaços ociosos em hortas orgânicas. Hoje são oferecidas capuchinhas, e em breve serão incluídas ora-pro-nóbis, peixinho e azedinha. No futuro, novas hortaliças e frutos antigamente consumidos na paulistânia serão resgatados e servidos também no Boteco 28 do Farol Santander.

A estrutura contemporânea de um total de 80m² conta com pé direito alto e arejado (3,80m) e parede crua com tijolos aparentes, como se fosse um ambiente em construção. O Boteco tem ainda mobiliário acolhedor, acessibilidade completa e uma moderna cozinha profissional equipada.

CONFIRA O CARDÁPIO FIXO:

PETISCOS

Batata Rústica com aioli de ervas R$22,00

Bolinho de Costela com molho cremoso apimentado R$29,00

Coxinha (4 unidades) R$29,00

Torresmo com molho de pimenta da casa R$32,00

Porção de pastel variado + vinagrete (6 unidades) R$25,00

Bolovo R$16,00

Seleção de conservas R$19,00

LANCHES

Lanche de rosbife, queijo meia cura, tomate, picles de mostarda  R$ 29,00

VG (pão, tomate confit, pasta de alho assado, abobrinha laminada e gema curada) R$29,00

RESISTÊNCIA

Arroz caldoso de moela R$48,00

Picadinho, mandioca assada com queijo meia cura, farofa e ovo R$59,00

Arroz caipira vegetariano (arroz, abóbora, milho tostado, maxixe, quiabo e capuchinha) R$48,00

SOBREMESA

Pingado (Pudim de leite com caramelo de café) R$16,00

BEBIDAS

Água mineral  R$6,00

Água mineral com gás R$6,00

Coca cola R$9,00

Café R$ R$6,00

Chá gelado R$12,00

ALCOÓLICOS

Caipirinha R$25,00

Rabo de galo R$32,00

Cervejas a partir de R$ 15,00

Chope 300 ml R$13,00

Cachaças + aperitivo de iça (á partir de R$25,00)

PRATOS DO DIA (a partir de R$29,00)

Primeira semana de novembro
Arroz, feijão, batata assada com ervas e carne de panela
Feijoada, arroz, farofa e vinagrete
Frango caipira com quiabo, arroz, quiabo tostado e farofa
Filé de peixe, arroz, salada e purê de batata

Segunda semana de novembro 
Costelinha de porco assada, arroz, salada e farofa 
Feijoada 
Macarrão ao molho de tomate rústico e frango assado 
Bife a cavalo, arroz, feijão, batata rústica.

Sobre o autor

Jornalista apaixonada por viagens, histórias e culturas a fim de desvendar os mistérios dos mais diversos mundos.