Principais

Quatro restaurantes chilenos estão entre os melhores da América Latina

Quatro restaurantes chilenos estão entre os 50 melhores da América Latina na seleção feita pela revista “Restaurant”. O Boragó ficou na segunda posição no ranking. Os outros são o Osaka, em 25ª, o Ambrosía, na 32º, e o 99, que ocupou a 46º.

Boragó (2º lugar)

interna_m1interna_m1
O chef Rodolfo Guzmán trouxe pratos inovadores e de qualidade consistente para a cozinha do seu restaurante; todos com ingredientes naturais.  O Boragó mistura a tradicional culinária chilena com o que é tendência.
Esta união fez com que o local, inaugurado em 2006, ficasse em segundo lugar na lista dos 50 melhores restaurantes da América Latina em 2015. Para saber mais, acesse www.borago.cl.

Osaka (25º lugar)
Nascido no Peru, o chefe Ciro Watanabe levou para Santiago uma fusão das culinárias peruana e japonesa. O Osaka tem como pratos principais o Tiradito com abacate, e o Tiradito palteadito com lascas de peixe branco, molho de alcaparras, hondashi, limão e tiras fritas de batata doce. Atualmente, o Osaka conta com restaurantes espalhados pela América do Sul. Mais informações em www.osaka.com.pe.

Ambrosía (32º lugar)
O Ambrosía, da chefe Carolina Balzán, tem o toque refinado da cozinha francesa com produtos chilenos, o que resultou em uma combinação impecável . Essa mistura foi possível graças a experiência que Carolina teve enquanto morou na França. O cardápio conta com ingredientes frescos e uma vasta seleção de vinhos. E para complementar, o restaurante tem um ambiente muito acolhedor, boa música e um belo jardim. Saiba mais em www.ambrosia.cl.

99 (46º lugar)
Com comando do chefe Kurt Schmidt, o 99 tem em seu cardápio pratos executados com perfeição, todos com ingredientes tipicamente chilenos. O restaurante tem um ambiente informal, mas com uma gastronomia muito sofisticada. Símbolo da culinária contemporânea do país, o 99 tem pratos a base de cogumelos que fazem muito sucesso. Outras informações em www.99restaurante.com.