Principais

Praia de Pipa tem golfinhos, esportes radicais e vida noturna agitada

Se você ainda não ouviu falar sobre a praia de Pipa, no Rio Grande do Norte, precisa conhecê-la. Localizada no município de Tibau do Sul, a 85 km de Natal, ela conta com 10 km de orla e atrai turistas que buscam contato com a natureza e esportes em uma das áreas mais bonitas do Atlântico e da costa brasileira. São dezenas de atrações, como falésias, dunas, golfinhos e uma das noites mais agitadas do Estado.

Os viajantes do Dubbi, plataforma colaborativa de dicas de viagens, indicam o que fazer por lá.

Divulgação/VisitBrasil

Divulgao/VisitBrasilDivulgao/VisitBrasil

Vista panorâmica da praia da Pipa, Timbaú do Sul (RN)

Aulas de surfe

A praia de Pipa era uma antiga vila de pescadores que foi aos poucos recebendo surfistas. Hoje a presença deles é um dos principais atrativos. São três as principais escolas: a Surf Pipa (R$ 380 por três dias de curso), Eco Surf School (R$ 100 por um dia de curso), Trieb Club Multisports (R$ 150 por um dia de curso).  Para quem não quer aulas profissionais, mas apenas se aventurar nas ondas, todas essas escolas alugam pranchas e equipamentos.

Além do surfe, o kitesurf, o stand-up paddle e o wakeboard também são praticados por lá, pois os ventos da região facilitam esse tipo de esporte.

Divulgação/Pipa Surf School

 

Off-road

Outra atração é o passeio de jipes 4×4, quadriciclos e buggies. A empresa Pipa Aventura, por exemplo, oferece o Camaro Amarelo (um jipe amarelo) por R$ 90 por pessoa. O trajeto passa por praias, coqueirais, piscinas naturais e falésias.

Há ainda opções de tirolesa, arvorismo, trekking, bike, parapente, lancha, voo livre. Para saber mais detalhes, quais empresas oferecem as atividades e tarifas, saiba mais: www.pipa.com.br.

Foto: Marcus Sampaio/Panoramio

 

Caminhada ecológica

Nem só de aventura vive a praia. O Santuário Ecológico proporciona ainda mais contato com a natureza ao viajante que pretende conhecer a região. São 16 trilhas abertas ao público, em meio à vegetação de Mata Atlântica. A vista da praia e do mar costuma ser cenário de selfies dos visitantes.

Em geral, as caminhadas são curtas, mas há trechos íngremes. A entrada fica próxima à praia. Funcionamento das 8h às 17h, a R$ 10.

Golfinhos

Divulgação/VisitBrasil

Divulgao/VisitBrasilDivulgao/VisitBrasil

Golfinho na praia da Pipa

Além dos turistas, os golfinhos são outros visitantes ilustres da região. Eles costumam aparecer na lagoa de Guaraíras, praia do Madeiro, praia do Centro e baía dos Golfinhos.

O Aventureiro Pipa faz dois tipos de passeios de barcos, passando por essas praias. O Especial Pôr do Sol sai por R$ 160 e tem duração de cinco horas, enquanto o Praias da Pipa dura 1h30 e custa R$ 40.

Os golfinhos dividem a paisagens com ainda com tartarugas, saguis, bem-te-vis, beija,flor, garças, iguanas, lavadeiras, timbus e outros animais selvagens.

Noite

É só o pôr do sol chegar que a praia começa a mesclar natureza com uma vida noturna vibrante. O Mirante Sunset Bar tem vista privilegiada. O bar funciona de terça a sábado, das 16h às 19h (não é exatamente à noite, mas vale pela vista).

A Boate dos Calangos, aberta todas as sextas, sábados, domingos e feriados, é o palco da música eletrônica na cidade e a referência em balada. O Mikroponto Bar, Tribus Bar e Why Not Bar completam a lista do agito noturno.

Tem mais dicas para fazer na Praia da Pipa? Então deixe seu comentário no Dubbi e ajude outros viajantes.