Destinos

Lima, uma grande varanda com vista para o Pacífico

Em suas ruas coloniais e seus modernos bairros de frente para o oceano Pacífico é possível encontrar todas as raças e costumes, uma síntese de diversidade cultural e de incomparável gastronomia, assim como manifestações que permitem entender um pouco melhor a complexa história do Peru.

Mas para além deste aspecto histórico-cultural da capital do Peru, Lima também é aventura, boa música, shoppings e galerias de arte, forte vida noturna, museus e uma paisagem urbana diferente, no qual o passado e o presente se combinam para criar uma cidade como poucos no mundo. Estes são alguns dos destaques da capital peruana.

Créditos: DC_Colombia

Em Lima, existem várias maneiras de apreciar o oceano Pacífico. Uma das mais interessantes é visitar o shopping Larcomar, que fica a céu aberto

Melhor destino gastronômico do mundo

O Peru foi escolhido pelo quinto ano consecutivo como o “Melhor Destino Culinário do Mundo”, no World Travel Awards (WTA) 2016. Este reconhecimento, que reforça a posição do país como um destino gastronômico em todo o mundo, não teria sido possível sem o trabalho realizado entre o Estado e o setor privado, parceria que busca valorizar toda a cadeia produtiva desse importante setor no país.

Créditos: Divulgação

O Ceviche é dos mais conhecidos pratos da culinária peruana

Vale lembrar que o Peru se coloca em destaque diante de reconhecidas cozinhas do mundo, como França, Japão, Itália, México, Espanha e Tailândia, entre outras.

O World Travel Awards é considerado “Oscar do Turismo”.

Lima conta com mais de 70 museus

Entre as dezenas de museus localizados em Lima, um se destaca por estar em uma mansão colonial do século 17, construída sobre uma pirâmide pré-colombiana do século 7 –o Museu Arqueológico Rafael Larco Herrera -, e outro por ser o mais antigo do Peru– o Museu Nacional de Arqueologia, Antropologia e História.

Créditos: Divulgação

Fachada do Museu de Arte de Lima

Mas a capital peruana não é apenas história, mas também modernidade. E é justo isso que a distingue, pois os turistas que a visitam podem experimentar de perto o encontro entre o antigo e o moderno. Desta maneira, Lima desenvolve uma nova cara cultural através de seus museus, como o Museu de Arte de Lima (MALI), que abriu recentemente o seu segundo andar com um sistema de auto guias e aplicativos de realidade aumentada. Dentro do museu é possível fazer um passeio de mais de 3.000 anos por toda a história da arte do país andino.

O Museu de Arte Contemporânea de Lima também se destaca dentro da cidade, pois além de ter levado 10 anos para ser construído e ter custado cerca de 4 milhões de dólares, mostra coleções de artistas peruanos e estrangeiros. No mesmo bairro de Barranco está também a Associação Mario Testino (MATE), que conta com uma mostra permanente de obras do fotógrafo que já é uma instituição de reconhecimento internacional.