Trade

Gilmar Piolla quer atrair investimentos para Foz e estreitar parceria com trade

Eduardo Sciarra, Gilberto Kassab, Ricardo Barros, Cida Borghetti, Luiz Fernando Vianna, Gilmar Piolla, Alexandre Teixeira.

Eduardo Sciarra, Gilberto Kassab, Ricardo Barros, Cida Borghetti, Luiz Fernando Vianna, Gilmar Piolla e Alexandre Teixeira.

Apesar de só assumir o cargo no próximo dia 8, o novo secretário de Turismo, Indústria e Comércio de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla,  confirmou que em sua gestão pretende investir em estratégias de promoção comercial que possam atrair investimentos para Foz do Iguaçu, bem como estreitar o relacionamento com o trade turístico. Em sua primeira entrevista a um veículo da mídia especializada, o dirigente confirmou ao ME alguns alicerces de sua gestão, como o projeto em parceria com a Infraero para ampliação do aeroporto de Foz do Iguaçu, a fim de atrair voos nacionais e internacionais.

“Nossa meta é realizar uma gestão integrada entre os setores, de modo a realizar um trabalho conjunto que venha beneficiar a indústria, o comércio e o turismo. O fato de ter recebido amplo apoio do trade me estimula neste novo desafio e vamos estreitar ainda mais esse relacionamento com entidades como o Codefoz, num trabalho de parceria de forma integrada”, explicou. O dirigente destacou o grande potencial de Foz do Iguaçu para captação de recursos e novos empreendimentos. Confira aqui, alguns pontos básicos que pretende implementar em sua gestão:

ECONOMIA DO TURISMO – “A ideia é procurar desenvolver um trabalho junto ao comércio e a indústria para melhoria seja na prestação de serviços, seja na infraestrutura, de modo a valorizar os produtos aqui fabricados e que tenham relação direta ou indireta com o turismo e a economia do município. Isso implica na melhoria também da infraestrutura de produtos e serviços, de modo a criar um ambiente favorável que possa atrair investidores”.

ACESSO – “Vamos investir nas principais vias de acesso rodoviário, de modo a criar maiores facilidades no fluxo de grandes vias. No que se refere ao acesso aéreo, vamos trabalhar numa parceria com a Infraero de modo a ter uma nova pista para o aeroporto com capacidade de receber aeronaves de maior porte. A ideia é instalar novos fingers e promover uma melhoria no terminal de passageiros, de modo a atrair voos nacionais e internacionais. A licitação para as obras já deve sair no próximo mês”.

EVENTOS – “Queremos dar um novo impulso ao setor de convenções e eventos dando continuidade a um trabalho que tem por objetivo resgatar a colocação de Foz do Iguaçu entre as quatro cidades que mais promovem eventos do padrão ICCA. Para isso nossa meta é trabalhar junto com os organismos promotores de eventos e, ao mesmo tempo desburocratizar a liberação de alvarás para realização de eventos”, destacou.