Trade

Empresários se unem para promover a Rota das Falésias; conheça

Isabel Saiz, do Lara Hotel, Mamede Rebouças, das Jangadas da Caponga, Indira Guimarães, do Costa Leste CVB, e Claudio Vischioni, do Laguna Hotéis

O esforço de empresários e do Sebrae, desde 2009, em impulsionar o turismo da região leste do Ceará resultou na criação da Rota das Falésias. O itinerário engloba 235 quilômetros de praia e oito destinos do estado: Eusébio, Aquiraz, Pindoretama, Cascavel, Beberibe, Fortim, Aracati e Picapuí. A necessidade de viabilizar a rota se deu por conta da sazonalidade do litoral cearense, que deixava os profissionais do setor muito dependentes de épocas específicas do ano.

Com a nova opção, a hospedagem da região também se viu obrigada a melhorar. “Hoje temos opções para todos os perfis, estabelecimentos de luxo, pousadas, com viés sustentável, enfim, uma variedade interessante”, explicou Indira Guimarães, do Costa Leste CVB. O sucesso foi tanto, que governo do Estado e operadoras como a CVC passaram a investir na rota recentemente. A partir de 2017, a Embratur também vai explorar os destinos, com enfoque mais internacional.