Principais

Cinco dicas imperdíveis para visitar a Noruega

Na Noruega estão algumas as paisagens mais lindas do mundo. Fiordes, trilhas selvagens, geleiras e lagos cercados por montanhas fazem do destino um lugar para não ser visitado, jamais, em um bate e volta.

E o momento está favorável para programar uma viagem ao país. A moeda local –a coroa norueguesa– está dois para um, bem longe dos quatro para um em que se encontra o dólar.

Divulgação/Visit Norway

Divulgao/Visit NorwayDivulgao/Visit Norway

O fiorde Lysefjord, nas proximidades de Stavanger, é conhecido pelas formações de montanhas como Kjerag e Preikestolen (o Púlpito)

 

1 – Quanto tempo preciso para visitar o país

No mínimo, uma semana. Ficamos 10 dias, e mesmo assim não vimos tudo o que queríamos. Oslo, a capital, merece sua visita. Mas se tiver pouco tempo, um ou dois dias bastam.

2 – Quais cidades são imperdíveis?
Reserve os outros dias para conhecer Bergen, linda, que serviu de inspiração para Frozen. Pertinho dela, está Flam, onde o passeio de bike pelas montanhas é imperdível.

Foto: Pedro Paulo Coelho/Lado B Viagem

 

Há umas duas ou três horas de carro ainda está Alesund, a terra do bacalhau, fica a quase oito horas de trem e ônibus de Oslo. Mas há voos para lá. Lindísima. Vale a pena investir, se tiver pouco tempo.

Geiranger também é imperdível. Vocês vai ver um dos fiordes mais lindos do país, cercado de montanhas de até 1.700 metros. Só para ter uma ideia, um prédio de 10 andares tem 30 metros.

3 – Como economizar?

Se você é aventureiro, aposte em campings. Em todos os fiordes mais lindos o país tem acampamentos que ficam localizados com as vistas mais lindas.

Bebidas alcoólicas são caríssimas por causa de impostos. Se quer comprar um vinho para tomar de cara para os picos nevados, compre-o no free shopping, no aeroporto.

4 – O que vale a pena comprar lá?

Foto: Pedro Paulo Coelho/Lado B Viagem

 

Casacos que seguram neve e frio. Você vai encontrar opções lindas e por preços muito bons. Comprei um megafeminino, que segura vento e umidade, por 30 coroas, ou seja, R$ 60.

5 – Qual a melhor época para ir?

Sem dúvida a primavera ou verão, de maio a agosto. Durante o inverno, as temperaturas são terrivelmente baixas e você não vai conseguir fazer trilhas e passeios de barco e caiaque nos fiordes. A página do Visit Norway também é excelente – e em português.  Confira outras dicas em nossa página do Facebook.

Por Andrea Miramontes, do blog Lado B Viagem