Principais

5 passos para escolher um bom curso de inglês na Irlanda

A reforma no setor de educação internacional da Irlanda exige dos estudantes um pouco mais de atenção na hora de comprar um curso de inglês. Novas regras foram estabelecidas para instituições de ensino que trabalham com estrangeiros de fora da Europa.

“Para que os intercambistas consigam o visto de estudante, que será reduzido de um ano para oito meses, a escola terá que se enquadrar no padrão de educação da Irlanda ou da Europa e os alunos precisarão levar o curso ainda mais a sério”, explica Daniela Decimoni, gerente de vendas da Seda Intercâmbios.

Aula_Aula_

 

A cobrança da presença nas aulas deve aumentar e quem não cumprir 85% do curso pode enfrentar problemas com a imigração. Mesmo com as mudanças, Daniela explica que o destino continua sendo vantajoso em relação ao custo de vida, preço dos cursos, direito a trabalho e pelo fato de estar próximo a outros países da Europa.

 

Por ano, cerca de dez mil estudantes brasileiros desembarcam na Irlanda. Para ajudar quem escolheu o país como destino do intercâmbio, a equipe da Seda Intercâmbios separou algumas dicas importantes para a escolha do curso e da instituição de ensino.

 

Pesquise muito

 

A internet disponibiliza muitos dados sobre cada escola e seus cursos de forma gratuita. É fundamental levar em conta a credibilidade da fonte e diversificar os canais de informação para conseguir traçar o perfil da instituição. O ideal é encontrar um amigo ou conhecido de confiança que tenha estudado naquela escola e pedir referências. No entanto, vale lembrar que as experiências variam de pessoa para pessoa.

 

Analise qualidade e selos da escola

 

A partir de outubro, os selos que comprovam que a escola segue os padrões exigidos pelo Governo irlandês serão indispensáveis. Um dos mais importantes na Irlanda atualmente é o ACELs. Além disse, busque saber como é a estrutura da instituição, que outras certificações ela tem, quem são os professores e quantos alunos são permitidos por turma –cada sala deve ter no máximo 15. 

intercambio_intercambio_

Exija seguro Learner Protection

 

A Irlanda exigirá que todas as escolas ofereçam uma garantia ao aluno caso o curso em que está matriculado deixe de ser ofertado. O Learner Protection é uma segurança que as escolas devem oferecer ao estudante e essa medida precisa ser capaz de garantir a transferência dele para outra instituição ou reembolso em caso de cancelamento do curso ou fechamento da unidade. Algumas escolas trabalham com parcerias, mas nem todas serão aceitas pelo Governo a partir do próximo mês.  

Entenda como funciona o suporte ao aluno

A chegada a um país desconhecido não costuma ser fácil. Por isso, o suporte da escola é fundamental. A dica é considerar a atenção dos consultores desde o primeiro contato e verificar a estrutura de suporte ao aluno disponibilizada pela escola. A relação escola-alunos, especialmente nos primeiros dias, é fundamental para uma experiência de sucesso, já que a escola será a principal casa dos intercambistas.

 

Considere estrutura da instituição e programação de atividades

 

Aprender um idioma em pouco tempo, segundo especialistas, exige dedicação e imersão. Apenas a participar nas aulas, mesmo no intercâmbio com convivência com nativos e pessoas que falam outras línguas não são suficientes para a fluência. As atividades extras fazem diferença para a prática do idioma. Aulas de reforço e programação para integração dos alunos também devem ser consideradas.